Dicas para escolher seu perfume

Concentrações de essência

 

Parfum:

O Parfum é a variação de fragrância com maior porcentagem de essência, que geralmente representa mais de 30% da fórmula. Ele contém pouquíssimo álcool e, por isso, evapora muito pouco ao longo do dia. Este tipo de fragrância tem fixação prolongada, de mais de 24 horas, e deve ser aplicado em pequenas gotas.

 

Eau de Parfum (EDP):

Um pouco menos concentrado, com cerca de 25% de essência, o Eau de Parfum ainda é uma opção marcante e de grande durabilidade. Esta fragrância costuma durar até oito horas na pele e é comercializada em forma de spray. O ideal é aplicar de duas a três borrifadas nas áreas mais quentes do corpo.

 

Eau de Toilette (EDT):

A mais comum das fragrâncias, contém uma concentração média de 15% de essência perfumada, sendo uma versão mais suave e adaptada ao clima tropical do que as duas anteriores. A sua durabilidade média é de seis horas após a aplicação. 

 

Eau de Cologne (EDC):

É a fragrância com menor concentração de essência, menos de 5%. Por isso o Eau de Cologne é perfeito para dar aquela sensação refrescante logo após o banho ou para quem deseja usar um perfume suave, sendo uma ótima opção para o verão ou cidades de clima quente e úmido. O que predomina nesta fragrância são as notas de cabeça, aquelas que você sente logo quando após a aplicação. Por isso, é uma ótima opção para ter na bolsa e ir retocando ao longo do dia.

Fixação na pele

Pele Seca:

Tende a fixar menos os perfumes pela falta da hidratação, a duração de um EDT (eau de toilette) costuma ser de duas a quatro horas. O recomendado é preparar a pele para receber o perfume, hidratando antes.

Pele Normal:

Por possuir uma textura mais homogênea e com hidratação e oleosidade adequada, a fixação média pode chegar a oito horas para um perfume EDT. A escolha pode variar de acordo com o gosto pessoal.

Pele Oleosa:

Possuem maior poder de fixar as fragrâncias, cerca de oito a doze horas. O cuidado deve ser redobrado para quem tem problemas de enxaqueca e alergias porque a absorção é potencializada por esse tipo de pele.

Pele Mista:

A grande parte da população brasileira tem esse tipo de pele, oleosidade na zona T (testa, nariz e queixo) e ressecamento nas outras partes. A duração média é de seis horas para um perfume EDT.

Temos que ter em mente que muitas das vezes como vamos nos habituando aos cheiros, temos a nítida impressão que ele está mais fraco, esse é o fenômeno chamado de Saturação Olfativa ou Acomodação Olfativa e nada tem haver com a fixação de perfume. Estamos perfumados, todos ao redor sentem menos nós…

 

Famílias Olfativas

A seguir relacionamos todas as 14 famílias olfativas e suas descrições, baseado na tradução livre da Roda dos Perfumes, com todos os direitos e méritos reservados ao seu criador Michael Edwards:

Família das Notas Florais

Subfamília Floral:

A tecnologia ‘headspace’ deu aos perfumistas uma avalanche de excitantes novas notas florais. Ela Floral sempre foi, e ainda é, a família de fragrâncias mais popular.
Seu repertório é vasto, variando desde concertos com uma única nota floral até poderosas sinfonias de poderosas misturas de ramos de flores.

A cada ano, novas e incomuns notas são encontradas, revitalizando o tradicional tema floral permite a eles identificar e clonar a essência de óleo de flores que não podem ser extraídos por nenhum método tradicional.

Exemplo: Gabriela Sabatini Feminino, da Gabriela Sabatini


Subfamília Floral Suave:

 

O casamento de aldeídos espumantes e delicadas flores cria a família dos florais suaves.

Aldeídos são encontrados naturalmente em rosas e óleos cítricos, mas em grande quantidade precisam ser recriados em laboratório. A essência natural deles não é agradável: alguns tem um cheiro forte e metálico, outros de queimado, com o aroma de uma vela recém apagada.

As notas soprano dos aldeídos são silenciados pela pulverização dos acentos de íris e baunilha para criar uma fragrância que é suave e florida. Entretanto, adicione flores e elas irão cantar mágica e sutilmente.

Exemplo: 212 Feminino, da Carolina Herrera



Família das Notas Orientais

 

Subfamília Floral Oriental:

 

Suavemente, notas de flores laranjas picantes são fundidas com aldeídos picantes e especiarias doces para criar o coração do perfume Floral Oriental.

Nascida nos idos de 1900, a família Floral Oriental voltou à vida no anos de 1970.

Na década passada, interpretações vívidas e frutadas dominaram a categoria dos Florais Orientais, mas recentemente os perfumes têm sido desenvolvidos um pouco mais sutilmente, com a personalidade silenciada.

Exemplo: La Vie Est Belle Feminino, da Lancôme


Subfamília Oriental Suave:

 

O incenso acrescenta tons sensuais às flores perfumadas, as especiarias e o âmbar criam um estilo Oriental mais suave.

As notas bases do moderno Oriental Suave não são tão doces ou tão pesadas quanto um verdadeiro aroma Oriental e o resultado (um mix de flores e especiarias) é claramente mais suave.

Exemplo: Opium Feminino, Yves Saint Laurent


Subfamília Oriental:

 

As notas Orientais são as rainhas exóticas da perfumaria. Sensuais, frequentemente pesadas, misturas de resinas orientais, fores upolentas, baunilha doce e musk, são introduzidas (notas de topo/cabeça) por notas da grande família de notas Frescas, especialmente as subfamílias Citrus, Verde e Frutada.

Uma nova ‘guinada’ das notas Orientais ganhou algum espaço nos anos de 1990, mas o apelo dos encorpados, do ‘take-no-prisioners’ (implacável) Oriental perdura.

Exemplo: The One Sport Masculino, da Dolce & Gabbana


Subfamília Oriental Amadeirado:

 

A ligação das notas ricas Orientais e as potentes essências de patchouli e sândalo produziram alguns dos mais originais perfumes dos anos de 1990.

Esta família dá ênfase aos caracteres amadeirados da família de notas Florais Orientais.

A diferença chave é que as flores e especiarias desta família de Florais Orientais são secundárias em relação às notas dominantes que são o sândalo e/ou o patchouli.

A influência Oriental também é mais perceptível, e se equilibra com as profundas notas amadeiradas.

Exemplo: 1 Million Masculino, da Paco Rabbane



Família das Notas Amadeiradas

 

Subfamília Amadeirado:

 

Ultimamente, perfumistas têm redescobrindo uma grande quantidade de notas amadeiras, então faz sentido distinguir as notas clássicas em relação àquelas encontradas nos perfumes da família Amadeirado Musgo/Chypre.

As clássicas essências Amadeiradas são dominadas por harmonias de cedro, patchouli, pinho, sândalo e vetiver, mas a nova paleta de notas amadeiradas exóticas (frequentemente copiadas por tecnologia headspace) tem estimulado maravilhosamente a criatividade nesta categoria de fragrâncias negligenciada.

Exemplo: Ferrari Black Masculino, da Ferrari


Subfamília Amadeirado Musgo:

 

Perfumistas chamam estas notas da floresta de musgo de carvalho Chypre, âmbar Chypre e citrus Chypre.

A família leva este nome pela primeira e significante fragrância Amadeirado Musgo, chamada Chypre de Coty, criada por François Coty em 1917. Chypre é o nome francês da ilha de Cyprus, lugar de nascimento de Venus, a lendária deusa do amor.

De Cyprus, também, vem o musgo de carvalho que está no coração de todos os perfumes Chypre.

Exemplo: Animale For Men Masculino, da Animale


Subfamília Amadeirado Seco:

 

A família olfativa Amadeirado Seco é usualmente chamada de Couro, com base na essência seca e esfumaçada do couro russo.

São perfumes similares ao Amadeirado Musgo mas que possuem a característica do seco, com a adição de notas de cedro, tabaco e madeira queimada.

Notas da família de frescos têm um importante papel na maioria dos perfumes Amadeirado Seco, destacando as profundas e quase animálicas notas de coração.

Exemplo: The Golden Secret Masculino, da Antonio Banderas



Família das Notas Frescas

 

Subfamília Aromático Fougère:

 

Esta é a família de perfumes universal, com notas quentes e sexys de citrus e lavanda, especiarias doces e madeiras orientais.

Leva o nome de uma fragrância que há muito tempo deixou de ser produzida: Fougère Royale, introduzida por Houbigant em 1882.

Homens cresceram com Fougères. A maioria das fragrâncias masculinas de destaque desenvolvidas a partir da metade dos anos de 1960 veio desta família olfativa.

Seus elementos picantes fazem os homens se sentirem confortáveis. A maioria das mulheres, igualmente, acha a mistura das notas frescas, florais, orientais e amadeiradas apelativas. É uma combinação vencedora.

Exemplo: Bleu Masculino, da Chanel


Subfamília Citrus:

Do sabor dos limões, tangerinas, bergamotas, laranjas e grapefruits vêm os óleos cítricos que emprestam a estes perfumes seus distintivos e picantes aromas.

Com o tempo, notas florais, apimentadas e amadeiradas transformaram a luz, refrescantes águas de colônia em fragrâncias reais. Uma nova geração de essências de musk e chá acrescentam uma interessante dimensão para a velha família de perfumes.

Exemplo: Ck One Unissex, da Calvin Klein


Subfamília Aquático:

 

Impregnadas do perfume da suave brisa do mar, as notas marinhas foram criadas em 1990.

As primeiras notas aquáticas capturavam o aroma de umidade do ar após uma tempestade.

Hoje, as notas aquáticas são mais frequentemente usadas como uma essência para avivar perfumes florais, orientais e amadeirados.

Exemplo: Polo Blue Masculino, da Ralph Lauren


Subfamília Verde:

Os perfumes da família olfativa de notas Verdes capturam a aguda essência de grama recém-cortada e folhas de violeta.

Apesar das imagens ao ar livre, o impacto do clássico acorde de gálbano resinoso é tão potente que muitos perfumes verdes tem uma personalidade formal ao invés de esportiva.

Nos recentes anos, uma paleta de mais suaves e mais claras notas verdes deu a esta família olfativa de fragrância um apelo refrescante.

Exemplo: Green Feminino, da Byredo Parfuns


Subfamília Frutada:

Pêssegos e peras, maças e ameixas. Um twist de frutas tropicais.

Aromas de morango, framboesa e frutos de todos os tipos. Adicione uma borrifada de flores para criar uma família de drinks frutados que cheiram delicioso.

Exemplo: Diesel® Fuel For Life Feminino, da Diesel




Não pense que cada perfume possui notas olfativas de apenas uma das famílias acima mencionadas. Existem perfumes que misturam mais de uma família.

Agora que você já conhece cada uma das concentrações, famílias olfativas e suas principais características, vai ficar mais fácil decidir por onde começar suas escolhas.